Centena e meia caminharam pelo Trilho Internacional dos Apalaches em Oleiros

Trilho Internacional dos Apalaches after

A maior parte dos caminheiros que participaram na primeira fase da Rota Muradal – Pangeia, o famoso Trilho Internacional dos Apalaches, que decorreu no sábado, dia 19 de março, querem regressar ao concelho de Oleiros para participar na segunda parte do percurso, agendada para 15 de outubro.

Vieram dos quatro cantos do país os cerca de 150 participantes para percorrer os 12 quilómetros de um dos percursos mais emblemáticos e carismáticos de Portugal, o mundialmente conhecido Trilho Internacional dos Apalaches. Para alguns foi um regresso ao trilho que tão bem conhecem, para outros foi uma descoberta e querem regressar. Recorde-se que esta organização semestral do Município, com apoio das três Juntas de Freguesia promotoras, esteve suspensa em 2020 e 2021, devido à pandemia de Covid-19.

Os participantes saíram do Estreito com o brinde do município: um chapéu alusivo a esta marca internacional que tem diferenciado o concelho de Oleiros. As paisagens deslumbrantes, os sítios geológicos de relevo e a boa disposição estiveram sempre presentes ao longo da caminhada, para satisfação de novos e menos jovens.

A organização desta primeira fase do Trilho dos Apalaches contou com o apoio da Junta de Freguesia do Estreito-Vilar Barroco, das associações “Os Cucos”, do Vilar Barroco, de “Os Trilhos do Estreito” e dos Bombeiros Voluntários de Oleiros.

Preferências de Navegação
Quando visita o nosso site, ele pode armazenar informações pela via do seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui pode alterar suas preferências de privacidade. O bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência de navegação no nosso site e nos serviços que oferecemos.