Foral Manuelino de Oleiros em Colóquio

1371046688Fotografia0599

No ano em que se assinala a passagem dos 500 anos da outorga do Foral Manuelino de Oleiros, a 20 de outubro de 1513, o município local tem planeado um vasto programa de atividades que pretende celebrar esta efeméride. A integrar este programa bianual de comemorações realizou-se nos passados dias 31 de maio, 1 e 2 de junho, a Feira Quinhentista, numa organização entre a Câmara Municipal de Oleiros, o Agrupamento de Escolas Padre António de Andrade e a Companhia de Teatro Viv´Arte e a qual pretendeu recriar historicamente aquela época. Um dos pontos altos desta feira foi a realização de um colóquio sobre o Foral Manuelino de Oleiros, o qual teve lugar no passado dia 1 de junho, no Auditório da Casa da Cultura.

O orador, o doutor Leonel Azevedo, natural daquele concelho, abordou alguns dos aspetos que integram a sua investigação académica sobre este assunto e os quais irão constar no livro que está a ser escrito pelo próprio e cuja apresentação terá lugar na Vila de Oleiros, no dia 12 de agosto, por ocasião da celebração do Dia do Concelho.

Recorde-se que para assinalar e perpetuar a efeméride, o município de Oleiros desde 2011 que tem preparado um vasto leque de atividades, como foi o caso da primeira edição da Feira Quinhentista, também ela de um enorme êxito. A exemplo da edição anterior, a programação da recente edição foi pensada ao pormenor e com uma enorme preocupação histórica. A convocatória dos homens bons do concelho para a redação do Foral, o cortejo régio pelas ruas do burgo ou a teatralização da leitura da Carta de Foral, foram apenas alguns exemplos da recriação histórica apresentada.

Posts relacionados

Preferências de Navegação
Quando visita o nosso site, ele pode armazenar informações pela via do seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui pode alterar suas preferências de privacidade. O bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência de navegação no nosso site e nos serviços que oferecemos.