Scroll Top

O verde que perdura para além do negro que o incêndio deixou para trás

1601291493Vagamundos_

O concelho de Oleiros foi mais uma vez fustigado por um grande incêndio que além de todos os bens que dizimou, afetou também uma componente que potencia a economia local: o turismo.

Muitos foram os pontos turísticos afetados, como o PR4 – Trilho do Estreito e a GR38 – Trilho Internacional dos Apalaches que não reúnem, neste momento, condições para visita.

Ainda assim, há verde que perdura para além do negro que o incêndio deixou para trás. Deixamos-lhe algumas sugestões de visita para que não deixe de visitar Oleiros, e assim ajude o concelho a reerguer-se:

·         Orvalho – passadiços da Cascata de Água d’Alta; Miradouro e parque de merendas do Mosqueiro; PR3 – GeoRota do Orvalho (cerca de 9km – percurso não circular);

·         Isna – aldeia típica da nossa zona com muitas casas em xisto; PR6 – Trilho D’El Rei, (11km – percurso circular);

·         Álvaro – pertence à Rede das Aldeias do Xisto; loja das Aldeias do Xisto onde pode solicitar uma visita ao património religioso da aldeia e fica a conhecer um pouco da sua história; miradouro junto à Igreja Matriz com vista para o Rio Zêzere; PR1 – Meandros do Zêzere e PR2 – Mui Nobre Villa – ambos circulares e com cerca de 6km cada um. Pode ainda visitar os Meandros do Zêzere junto à Frazumeira;

·         Oleiros – visita à Igreja Matriz, aberta ao público; visita ao Cristo Rei com uma vista magnífica sobre a Vila de Oleiros; pequena rota junto à ribeira de Oleiros, com início na Ponte Grande até à Praia Fluvial Açude Pinto (2,5km com painéis informativos sobre o ecossistema ribeirinho); PR5 – Trilho do Cabrito (percurso circular com cerca de 8 km);

·         Amieira – PR7 – Trilho do Vale de Moses (percurso circular com cerca de 5km);

·         GR33 – Grande Rota do Zêzere – no concelho de Oleiros a GR inicia junto à Garganta do Zêzere em Admoço e acompanha o Rio até à Madeirã;

Além destas sugestões de visita, o concelho dispõe de 19 alojamentos entre parque de campismo, turismo rural, alojamento local, hotel e casa de campo. Também os restaurantes do concelho continuam abertos. Destaque para o nosso prato típico – o cabrito estonado – que pode encontrar em alguns restaurantes do concelho, sempre através de reserva. Esta iguaria sobressai por ser um cabrito assado em forno de lenha, mantendo a pele que chegará ao seu prato estaladiça e que permite que a carne permaneça suculenta e saborosa.

Oleiros conta ainda com um vasto leque de artesãos e de produtos locais de qualidade que poderá encontrar no Posto de Turismo de Oleiros, aberto todos os dias das 10h às 13h e das 14h às 18h. Poderá ainda planear a sua visita ou pedir mais sugestões aos nossos técnicos de Turismo, através do e-mail postoturismo@cm-oleiros.pt ou do telefone 272 107 339.

 

 

Posts relacionados

Preferências de Navegação
Quando visita o nosso site, ele pode armazenar informações pela via do seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui pode alterar suas preferências de privacidade. O bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência de navegação no nosso site e nos serviços que oferecemos.