Projeto ‘Dez Freguesias, Dez Experiências’ tem valorizado o território

1542643037Dez_Freguesias

Com a realização dos 5 primeiros ateliês da iniciativa “Dez Freguesias, Dez Experiências”, ocorridos nos dias 27 de janeiro, 24 de fevereiro, 28 de abril, 28 de julho e 3 de novembro, – respetivamente nas freguesias de Isna, Mosteiro, Oleiros-Amieira, Cambas e Madeirã -, o Município de Oleiros tem valorizado o território. Inserida na ação Beira Baixa Cultural, na categoria ateliês temáticos de cultura e gastronomia, no ano 2018, esta iniciativa permitiu que 785 participantes pudessem vivenciar experiências diferenciadoras, através da reinterpretação dos costumes e tradições imateriais, tendo assim uma oportunidade única de fazerem parte do extenso e riquíssimo histórico patrimonial do concelho.

Percorrendo as freguesias do concelho, os ateliês foram pensados segundo um mesmo alinhamento: um passeio pedestre interativo (que proporciona experiências), uma recriação histórica (que promove a identidade das freguesias e um almoço temático (que promove o seu património gastronómico).

Com a realização do passeio interativo, para além dos ativos histórico-culturais, são também valorizados os ativos naturais e paisagísticos.

Todos estes elementos são vetores de diferenciação, os quais, uma vez potencializados, têm contribuído para a projeção da região e desta forma, para a captação de fluxos turísticos.

Acresce ainda referir os outputs do projeto, como por exemplo os itinerários temáticos que estas experiências têm deixado no território e o número considerável de participantes que tem atraído, o que tem reforçado os níveis de autoestima das várias comunidades locais e consequentemente, o seu grau de envolvimento, o qual se tem verificado crescente com o desenrolar da iniciativa.

Por último, importa destacar o apoio das Juntas de Freguesia, assim como de muitas pessoas individuais, em cada freguesia, que se têm disponibilizado e dado o seu melhor, para além das associações locais, 14 no seu total.

São elas: Agrupamento 1080 CNE Oleiros, Associação Desportiva de Caça e Pesca de Oleiros, Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Oleiros, Associação Recreativa e Cultural de Melhoramentos da Cava, Associação Recreativa e Cultural de Oleiros, Associação Recreativa e Cultural de Vale do Souto, Casa do Benfica em Oleiros, Isna Sport Clube e Alvélos, Grupo Desportivo Recreativo e Cultural da Pisoria, Grupo de Amigos da Freguesia da Madeirã, Grupo Maltez Desportivo do Mosteiro, Pinhal Total, Rancho Folclórico e Etnográfico de Oleiros e Sociedade Filarmónica Oleirense.

O seu envolvimento tem sido fundamental para a concretização e sucesso da iniciativa, pelo que o Município aproveita esta oportunidade para formular publicamente um agradecimento para todos, entre pessoas individuais e coletivas.

A iniciativa volta em 2019 com mais 5 ateliês temáticos nas freguesias: Álvaro, Estreito-Vilar Barroco, Orvalho, Sarnadas de S. Simão e Sobral.

Recorde-se que o projeto Beira Baixa Cultural é promovido pela Comunidade Intermunicipal e Municípios que a constituem, sendo cofinanciado pelo Fundo de Desenvolvimento Europeu / Portugal 2020.

Nestes 3 anos, até ao final de 2020, no concelho de Oleiros, foram planeadas 16 ações distribuídas por 4 categorias.

A operação visa construir uma rede de programação cultural destinada à valorização integrada do património, de modo a posicionar a região como um destino de excelência e atrativo para o turismo cultural, capaz de captar fluxos turísticos significativos e gerar emprego e riqueza no território.

Posts relacionados

Preferências de Navegação
Quando visita o nosso site, ele pode armazenar informações pela via do seu navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui pode alterar suas preferências de privacidade. O bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência de navegação no nosso site e nos serviços que oferecemos.